30
Jun 09
Quem não se lembra do famoso e controverso vocalista dos Limb Bizkit? Fred Durst liderava uma das bandas que mais ouvia na minha adolescência e sempre o julguei como L'enfant terrible do grupo. Alguém que era mais controverso pelo que fazia fora dos palcos do que propriamente pela sua música.
 
Com muita surpresa, numa pesquisa na internet, descobri que, passados alguns anos desde o último álbum da banda, e com quase 39 anos, Durst se tornou realizador. Ainda só fez dois filmes (ao que parece bastante medianos) mas segundo o que se diz o seu gosto e conhecimento cinematográficos são muito bons. Os filmes por si realizados são The Education of Charlie Banks e The Longshots.
 
No site Rotten Tomatoes está uma entrevista sua onde indica os seus cinco filmes preferidos. Não percam aqui.
publicado por Luís Costa às 13:43

2 comentários:
Excelente review do Bowling For Columbine. Não consigo comentar nesse post então comento neste :). É preciso mesmo estar alerta quando vemos esse filme senão corremos o risco de radicalizar os factos.
Shanti a 3 de Julho de 2009 às 03:15

Estranho! Estive a testar os comentários naquele post e deram na perfeição.

Mas adiante. Eu DETESTO extremismos. Cada caso é um caso e deve possuir uma abordagem diferente. O que Moore faz nos seus documentários que me irrita é exactamente o mesmo que me irrita muitas vezes na política, religião e futebol. Ou seja, as pessoas escolhem um lado e ficam com ele... no matter what. Nunca querem entrar em diálogo a fim de resolverem as suas diferenças e muito menos compreender as razões que estão na origem das mesmas.
Luís Costa a 3 de Julho de 2009 às 16:12

pesquisar neste blog
 
arquivos
tags

todas as tags

mais sobre mim